• pt-br

Archives for Renovations

Centro Integrado de Comando e Controle de Canoas - Soldado Jonathan Martins.

Centro de Comando de Canoas, projeto da Teltex, no Balanço Geral

O Programa Balanço Geral do último dia 15, destacou a perseguição efetuada pela Brigada Militar que resultou na prisão em flagrante de um brigadiano e de um vigilante de carro forte, que tentavam negociar de forma ilegal uma arma apreendida.

A prisão só foi possível graças às câmeras operadas pelo Centro Integrado de Comando e Controle de Canoas,  um projeto implantado pela Teltex Tecnologia, que também mantêm o sistema e as mais de de 186 câmeras que monitoram a segurança do município.

Com o trabalho integrado do Centro, operado pela Guarda Municipal de Canoas, com a Brigada Militar e a Polícia Civil, ações como esta em sido cada vez mais frequentes – sempre que as câmeras captam alguma atividade suspeita, as forças policiais são acionadas e deflagram ações imediatas.

Graças à articulação entre Guarda Municipal, Brigada e Polícia Civil e a toda a tecnologia embarcada pela Teltex no Centro Integrado de Comando de Canoas, o município viu cair em 37% a taxa de homicídios nos bairros mais violentos da cidade, a partir da implantação do projeto.

Não é de hoje que as ações de segurança conduzidas pelo Centro de Comando são destaque na mídia. Reportagens do Fantástico e do Profissão Repórter já destacaram o trabalho do Centro, que vem sendo referência quando o assunto é a segurança de cidades.

Confira no canal da Teltex, no Youtube, a reportagem do Balanço Geral e perseguição que resultou na prisão do brigadiano e evitou que mais uma arma fosse parar em mãos erradas.

Num dia em que todos lamentam a insegurança que estamos vivendo, é um alento ver que nem todo crime fica impune.

 

Read more
Centro de Comando implantado pela Teltex no TJRN

Economia nas despesas possibilita investimentos em segurança no Fórum Seabra Fagundes

Fonte: Portal do Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte

“O Judiciário precisa fazer mais com menos e mudar a curva de gastos ascendente nos últimos anos e que a atual gestão tem trabalhado para diminuir, economizando e aplicando em ações concretas”. O destaque foi feito pelo presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Claudio Santos, ao inaugurar o sistema de monitoramento eletrônico do Fórum Miguel Seabra Fagundes, na manhã desta segunda-feira (8). Ele visitou a sala de controle das 86 câmeras HD e FULL HD e dos computadores que irão cobrir inclusive áreas externas ao prédio da Justiça, localizado no bairro Lagoa Nova. O desembargador lembrou que numa segunda etapa, serão instalados modelos semelhantes nas unidades da Justiça situadas no interior do Rio Grande do Norte.

Para o presidente, o sistema com videomonitoramento vai propiciar condições para que magistrados e servidores possam trabalhar com mais tranquilidade. O investimento do Judiciário estadual no projeto é de R$ 1 milhão e propiciará a vigilância mais eficiente do prédio que abriga a Direção do Foro da Comarca de Natal e 70 Varas da Justiça na capital. Todos os equipamentos serão conectados à Central de Segurança do Poder Judiciário, sediada no TJRN, que terá funcionamento 24 horas.

O diretor do Foro da Comarca de Natal, juiz Mádson Ottoni, lembra que as câmeras de alta definição são do mesmo tipo de equipamentos utilizados na segurança da Olimpíada do Rio de Janeiro. “Passa pelo Fórum, diariamente, um público estimado entre 1.200 e 2 mil pessoas e que agora também irão ganhar com a melhoria na vigilância das entradas e saídas deste edifício”, ressalta o magistrado.

O sistema contribuirá para melhorar as condições de vigilância no entorno do FMSF, sobretudo no horário do início da noite, justamente na saída do expediente. Ao lado de Mádson Ottoni, estavam os juízes João Eduardo Ribeiro e Homero Lechner, o primeiro no exercício da direção e o segundo na coordenação de segurança da unidade.

Sistema

Esta instalação, segundo informações do Gabinete de Segurança Institucional do Tribunal de Justiça do RN, é a primeira integrante do projeto de segurança eletrônica do Judiciário potiguar, que irá implantar modelos semelhantes em outras seis unidades até outubro, com um investimento total de R$ 3,4 milhões, em recursos próprios do TJ.

Os demais prédios a receberem o sistema serão: o edifício sede do Tribunal, Central de Flagrantes da Ribeira, Fórum Varela Barca (Zona Norte), Fórum Desembargador Silveira Martins (Mossoró) e o Fórum Desembargador Félix de Araújo Bezerra Galvão (Nísia Floresta).

Tecnologia de Segurança Teltex no TJRN

Read more

WTICIFES em Gramado 02/05 ao 05/05

Em Gramado dia 02/05 ao 05/05, ocorreu o X Workshop de Tecnologia da Informação e Comunicação das Instituições Federais de Ensino Superior. O WTICIFES é uma promoção do Colégio de Gestores de TIC das IFES para, a partir da similaridade dos problemas e desafios da gestão, incentivar a troca interinstitucional de experiências e soluções para efetivação da TIC como um instrumento de avanço de todas as Universidades, contanto com o patrocínio Gold da Teltex e de outras empresas de tecnologia.

image2 image4image1

Read more

Mais 56 câmeras vigiam as ruas de Canoas

Site

As 56 câmeras que ampliarão o sistema de videomonitoramento na cidade, votadas pela comunidade no Orçamento Participativo, começaram a ser instaladas e, algumas, já estão funcionando. Até o dia 20, 32 estarão em plena operação nos bairros Mathias Velho, São Luiz, Harmonia, Nossa Senhora das Graças e Niterói. As 24 restantes estão sendo instaladas em outros bairros. Essas levarão cerca de 30 dias para entrar em funcionamento. Com isso, a cidade passará a ter 185 câmeras.

No bairro São Luiz, quatro postes que dão suporte aos equipamentos já foram instalados e estão recebendo fiação. No Mathias Velho, serão colocados nove equipamentos e dois já estão em teste. O bairro Harmonia recebeu dez, que também estão sendo testadas. No Niterói, serão nove câmeras na Vila João de Barro. Duas delas já estão em operação. No bairro Nossa Senhora das Graças, os testes de transmissão e conexão estão em andamento.

Este serviço é coordenado pela Secretaria Municipal de Segurança Pública e Cidadania (SMSPC) e executado por uma empresa licitada pelo Município. Outros 129 equipamentos já funcionam na cidade, captando imagens de diferentes pontos, monitoradas pela equipe da Sala de Monitoramento, que será transformada em Centro Integrado de Comando e Controle de Canoas.

Auxílio na segurança

Técnicos do Observatório de Segurança de Canoas constatam que nos locais onde há cobertura de câmeras, diminuem as ocorrências de crimes como furto, roubo e as depredações. Esse recurso tecnológico facilita a realização de prisões, a recuperação de veículos roubados, assim como o socorro a vítimas de acidente de trânsito, o monitoramento em casos de alagamentos, o descarte irregular de lixo, além das investigações policiais sobre locais de tráfico.
Crédito da notícia: Jornalista Rosilaine Pinheiro – MTE 17242

Read more