• pt-br

Archives for Integração Sistemas Monitoramento Comunicação

Sistema de Segurança Eletrônica do MPRN

Teltex entrega Sistema de Segurança Eletrônica do MPRN

Nesta segunda-feira, dia 12 de junho de 2017, o Ministério Público do Rio Grande do Norte-MPRN promoveu a inauguração da sua Central de Monitoramento e Controle, que marca a conclusão da primeira etapa do Sistema de Segurança Eletrônica do MPRN. A obra foi executada pela Teltex, que aportou, em mais esse projeto, toda a sua excelência e expertise em sistemas de segurança eletrônica diferenciados e com as tecnologias mais avançadas.

O Procurador-Geral de Justiça, Rinaldo Reis Lima, fez a entrega formal da moderna Central de Monitoramento. A cerimônia ocorreu no plenário da Procuradoria-Geral de Justiça, e contou com a presença de diversas autoridades da área de segurança, inclusive do Presidente do Gabinete de Segurança Institucional do TJRN, Desembargador Gilson Barbosa.

Projeto MPRN – Primeira Fase

Nessa primeira fase, o sistema foi implantado na sede da PGJ e nas Promotorias de Justiça da Comarcas de Mossoró, Caraúbas, Macaíba e Ceará-Mirim. Os projetos de segurança eletrônica para cada sede do Ministério Público foram elaborados pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI) com a consultoria e implantação da Teltex, que foi vencedora da licitação na modalidade de registro de preço.

A Central  de Monitoramento do MPRN integra os sistemas de  vídeo monitoramento, alarmes de incêndio e de intrusão, controle de acesso de integrantes da Instituição e de visitantes, controle de acesso de veículos, detecção de metais e controles de ronda de vigilantes. O sistema da central será operado por profissionais qualificados pela

Além dos projetos já implantados e que foram oficialmente entregues na cerimônia, a Teltex já iniciou as obras da segunda etapa que inclui novos itens de segurança para as sedes de Mossoró, Macaíba, Ceará-Mirim e da Procuradoria-Geral de Justiça,  bem como a implementação do sistema nas comarcas de Parnamirim, São Gonçalo do Amarante e Caicó, com entrega prevista para Setembro próximo.

Diferenciais do projeto

Vídeo monitoramento: as câmeras são programadas para reagir a alarmes específicos – alertas de violações de segurança, como entradas não autorizadas, portas deixadas abertas e entrada forçada, etc; também é possível a visualização do local da ocorrência em um mapa gráfico (planta de pavimento), diretamente nas estações de vigilância;

Controle de acesso: o sistema permite controle de todos os acessos às áreas seguras, de qualquer uma das estações de monitoramento, assim como a transmissão de todas as atividades de acesso à Central e às estações de trabalho da força de vigilância; o controle conta com a abertura e fechamento remotos de portas com “anti-passaback” (anti-dupla entrada), para evitar que um cartão usado para entrada/saída de pessoas ou veículos seja reutilizado;

Controle de ronda: monitoramento detalhado de patrulha de seguranças, ao longo das rotas de vigilância; cronograma particular, por guarda, com uma lista de intervalos de passagem entre leitoras (caso se atrase na passagem por uma das leitoras, o sistema assumirá, automaticamente, que algum problema pode ter ocorrido, ativando alertas);

O vídeo a seguir, produzido pela Teltex para a inauguração, demonstra a integração dos sistemas entregue ao MPRN:

Read more
Stand da Teltex no WTICIFES

Teltex é Patrocinador Diamante do WTICIFES 2017

Com o tema  “A TI como Agente Transformador nas Universidades”, começa hoje em Recife-PE, a edição de 2017 do Workshop de Tecnologia da Informação e Comunicação das Instituições Federais de Ensino Superior do Brasil –WTICIFES, com a participação da Teltex IT, divisão de TIC da Teltex, como Patrocinador Diamante.

Promovido pelo Colégio de Gestores de TIC das IFES, o WTICIFES é realizado anualmente e reúne Diretores e Profissionais de TI das principais Universidades Federais para “incentivar a troca interinstitucional de experiências e soluções para a efetivação da TIC como um instrumento de avanço de todas as Instituições”.

Realizado este ano no Recife, durante os dias de 29 de maio a 1º de junho, o encontro pretende levantar questões comuns à realidade dos profissionais de TI para promover o debate e a troca de conhecimentos e informações do setor.

Reunindo, anualmente, cerca de 150 participantes, com a presença de diretores, pró-reitores e representantes das áreas de tecnologia da informação e da comunicação das Universidades Federais, o WTICIFES é um evento estratégico que a Teltex faz questão de apoiar.

Na edição deste ano, a empresa está apresentando as tecnologias das Câmeras Panasonic, com aplicação ampla para a segurança e monitoramento dos campi universitários, e soluções de firewall, servidores e segurança da informação dos parceiros Arrow, Nutanix, Palo Alto e Westcon.

Danilo Guaraná, da Nutanix, é o convidado da Teltex e ministrará a palestra “Hiperconvergência: otimizando seus recursos de infraestrutura alinhados ao projeto” no dia 30 de maio, à tarde.

O WTICIFES está sendo realizado no Golden Tulip Boa Viagem, em Boa Viagem, Recife e as inscrições – exclusivas para profissionais de TI das IFES – podem ser feitas no site do WTICIFES.

Read more
Informática de Municípios Associados S/A – IMA

Teltex vence licitação para implantação de redes de dados de Campinas

A Teltex Tecnologia venceu a disputa de Registro de Preços promovida pela Informática de Municípios Associados S/A – IMA, empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) da Prefeitura Municipal de Campinas-SP, no valor de R$ 5,8 milhões para contratação da empresa que irá fornecer a infraestrutura de redes de dados dos órgãos públicos de Campinas.

O projeto contratado tem o objetivo de implantar pontos de rede de dados e links ópticos, entre outros serviços, em diversos prédios da administração pública de Campinas, nos órgãos que compõem a Ata de Registro de Preços, como a própria IMA,  a Secretaria Municipal de Chefia de Gabinete do Prefeito – DEINFO, a Companhia de Desenvolvimento do Polo de Alta Tecnologia de Campinas – CIATEC, a Fundação José Pedro de Oliveira (Mata Santa Genebra) e a FUMEC – Fundação Municipal para Educação Comunitária, pelo período de 12 meses.

Essa vitória é mais um passo na consolidação da Teltex como um fornecedor de tecnologia de nível nacional e irá acelerar as operações da empresa na região Sudeste, onde está contratando profissionais para reforçar sua equipe comercial.

Mais novos negócios: Teltex fecha contrato com a Secretaria de Segurança Pública de Natal

A Teltex também fechou  contrato com a Secretaria de Segurança Pública do Município de Natal. Licitado por pregão eletrônico, o contrato prevê a manutenção corretiva e preventiva do acervo de câmeras de segurança em vias públicas do município. A Teltex, que já conta com uma filial em Natal – RN, também atende ao Tribunal de Justiça do Estado onde implantou o Centro Integrado de Comando e Controle na Sede do TJRN e o sistema integrado de Segurança Eletrônica da Sede e dos fóruns de Seabra Fagundes, Ribeira, Zona Norte, Nízia e Mossoró.

Read more
Teltex Road Show

Teltex Road Show estréia em Natal

Na última quarta-feira, 28 de setembro, Natal, no Rio Grande do Norte, foi palco do lançamento do Teltex Road Show, evento itinerante da Teltex focado em tecnologias avançadas de segurança eletrônica.

teltex-raoad-show1

Realizado no Ocean Palace Beach Resort, na Praia de Ponta Negra, o evento apresentou a clientes e parceiros da Região Nordeste as tecnologias utilizadas na segurança da Olimpíadas Rio 2016  e o projeto de Segurança Eletrônica implantado pela Teltex no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte.

teltex-raoad-show2

Com a parceria da Panasonic, Vault Assa Abloy e Anixter as palestras apresentaram também as etapas na concepção de projetos de segurança eletrônica e tecnologias avançadas de controle de acesso e detecção de intrusão.

Palco do evento, o Ocean Palace Beach Resort encantou os convidados e foi o cenário perfeito para o encontro com nossos parceiros do Nordeste, que avaliaram o Teltex Road Show como excelente oportunidade de aprendizado e bastante esclarecedor.

teltex-raoad-show4

Com a participação de clientes e parceiros tecnológicos, o evento destacou o projeto do Centro Integrado de Comando e Controle e Segurança Eletrônica da Sede do TJRN. Entregue em um terço do prazo (30 dias, ao invés dos 90 previstos), o projeto foi resultado de licitação realizada pelo TJRN pelo regime de Ata de Registro de Preços, onde a Teltex se sagrou vencedora com uma oferta 25% menor do que o segundo colocado e respeitando todas as especificações do Edital.

teltex-raoad-show3

Integrando sistemas de  gerenciamento e gravação de imagens CFTV IP e monitoramento de alarmes por tecnologia IP, a Central de Comando monitora, atualmente, a Sede do TJRN e os fóruns de Seabra Fagundes, Ribeira, Zona Norte, Nízia e Mossoró. Os fóruns maiores possuem a sua própria Sala de Monitoramento, que por sua vez, é monitorada pelo Centro de Comando, enquanto os menores, sem força própria de vigilância, são monitorados diretamento pelo Centro.

Fechando o dia de intensa programação, uma happy hour com a deslumbrante vista da Praia da Ponta Negra e Morro do Careca fecharam com chave de ouro nossa primeira edição.

Read more
Centro Integrado de Comando e Controle de Canoas - Soldado Jonathan Martins.

Centro de Comando de Canoas, projeto da Teltex, no Balanço Geral

O Programa Balanço Geral do último dia 15, destacou a perseguição efetuada pela Brigada Militar que resultou na prisão em flagrante de um brigadiano e de um vigilante de carro forte, que tentavam negociar de forma ilegal uma arma apreendida.

A prisão só foi possível graças às câmeras operadas pelo Centro Integrado de Comando e Controle de Canoas,  um projeto implantado pela Teltex Tecnologia, que também mantêm o sistema e as mais de de 186 câmeras que monitoram a segurança do município.

Com o trabalho integrado do Centro, operado pela Guarda Municipal de Canoas, com a Brigada Militar e a Polícia Civil, ações como esta em sido cada vez mais frequentes – sempre que as câmeras captam alguma atividade suspeita, as forças policiais são acionadas e deflagram ações imediatas.

Graças à articulação entre Guarda Municipal, Brigada e Polícia Civil e a toda a tecnologia embarcada pela Teltex no Centro Integrado de Comando de Canoas, o município viu cair em 37% a taxa de homicídios nos bairros mais violentos da cidade, a partir da implantação do projeto.

Não é de hoje que as ações de segurança conduzidas pelo Centro de Comando são destaque na mídia. Reportagens do Fantástico e do Profissão Repórter já destacaram o trabalho do Centro, que vem sendo referência quando o assunto é a segurança de cidades.

Confira no canal da Teltex, no Youtube, a reportagem do Balanço Geral e perseguição que resultou na prisão do brigadiano e evitou que mais uma arma fosse parar em mãos erradas.

Num dia em que todos lamentam a insegurança que estamos vivendo, é um alento ver que nem todo crime fica impune.

 

Read more
Centro de Comando implantado pela Teltex no TJRN

Economia nas despesas possibilita investimentos em segurança no Fórum Seabra Fagundes

Fonte: Portal do Judiciário Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte

“O Judiciário precisa fazer mais com menos e mudar a curva de gastos ascendente nos últimos anos e que a atual gestão tem trabalhado para diminuir, economizando e aplicando em ações concretas”. O destaque foi feito pelo presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Claudio Santos, ao inaugurar o sistema de monitoramento eletrônico do Fórum Miguel Seabra Fagundes, na manhã desta segunda-feira (8). Ele visitou a sala de controle das 86 câmeras HD e FULL HD e dos computadores que irão cobrir inclusive áreas externas ao prédio da Justiça, localizado no bairro Lagoa Nova. O desembargador lembrou que numa segunda etapa, serão instalados modelos semelhantes nas unidades da Justiça situadas no interior do Rio Grande do Norte.

Para o presidente, o sistema com videomonitoramento vai propiciar condições para que magistrados e servidores possam trabalhar com mais tranquilidade. O investimento do Judiciário estadual no projeto é de R$ 1 milhão e propiciará a vigilância mais eficiente do prédio que abriga a Direção do Foro da Comarca de Natal e 70 Varas da Justiça na capital. Todos os equipamentos serão conectados à Central de Segurança do Poder Judiciário, sediada no TJRN, que terá funcionamento 24 horas.

O diretor do Foro da Comarca de Natal, juiz Mádson Ottoni, lembra que as câmeras de alta definição são do mesmo tipo de equipamentos utilizados na segurança da Olimpíada do Rio de Janeiro. “Passa pelo Fórum, diariamente, um público estimado entre 1.200 e 2 mil pessoas e que agora também irão ganhar com a melhoria na vigilância das entradas e saídas deste edifício”, ressalta o magistrado.

O sistema contribuirá para melhorar as condições de vigilância no entorno do FMSF, sobretudo no horário do início da noite, justamente na saída do expediente. Ao lado de Mádson Ottoni, estavam os juízes João Eduardo Ribeiro e Homero Lechner, o primeiro no exercício da direção e o segundo na coordenação de segurança da unidade.

Sistema

Esta instalação, segundo informações do Gabinete de Segurança Institucional do Tribunal de Justiça do RN, é a primeira integrante do projeto de segurança eletrônica do Judiciário potiguar, que irá implantar modelos semelhantes em outras seis unidades até outubro, com um investimento total de R$ 3,4 milhões, em recursos próprios do TJ.

Os demais prédios a receberem o sistema serão: o edifício sede do Tribunal, Central de Flagrantes da Ribeira, Fórum Varela Barca (Zona Norte), Fórum Desembargador Silveira Martins (Mossoró) e o Fórum Desembargador Félix de Araújo Bezerra Galvão (Nísia Floresta).

Tecnologia de Segurança Teltex no TJRN

Read more

WTICIFES em Gramado 02/05 ao 05/05

Em Gramado dia 02/05 ao 05/05, ocorreu o X Workshop de Tecnologia da Informação e Comunicação das Instituições Federais de Ensino Superior. O WTICIFES é uma promoção do Colégio de Gestores de TIC das IFES para, a partir da similaridade dos problemas e desafios da gestão, incentivar a troca interinstitucional de experiências e soluções para efetivação da TIC como um instrumento de avanço de todas as Universidades, contanto com o patrocínio Gold da Teltex e de outras empresas de tecnologia.

image2 image4image1

Read more

Vantagens do CFTV IP sobre o Análogico

img5621c6c63c7f1

Atualmente boa parte dos sistemas de CFTV existentes, utiliza câmeras analógicas e sistema de gravação digital. As câmeras de segurança analógicas tradicionalmente utilizam como meio de transmissão cabos coaxiais de 75 ohms, nos quais é transmitido um sinal de vídeo composto de 1Vpp, modulado em AM-VSB na sua banda base, neste 0,7V refere-se ao sinal de luminância e 0,3 é referente aos pulsos de sincronismo horizontal e vertical. Além disso sobre este sinal é transmitida uma portadora de cor modulada na frequência de 3,57MHz. As sincronizações, modulações e frequências são definidas através da norma do NTSC, que estabelece o sistema norte-americano de difusão de televisão analógica, estabelecido em 1953.

Apesar de amplamente funcional e de apresentar um nível de qualidade aceitável para grande parte das transmissões de vídeo, o sistema de transmissão analógico possui algumas limitações características que limitam as capacidades de resolução, qualidade, privacidade e segurança. Dessa forma, em sistemas de CFTV analógico o sinal de vídeo trafega no modo unidirecional da câmera para o sistema de gravação sem qualquer tipo de proteção do sinal, ou seja, o sinal trafega de forma aberta e não existe nenhuma forma de verificação da consistência do sinal na chegada, confirmação do recebimento para a câmera, correção do sinal recebido ou mesmo uma proteção contra acesso indevido. Tendo-se acesso ao cabeamento é possível injetar um sinal de vídeo falso ou adulterado, sem que o equipamento de gravação tenha uma forma segura e garantida de detectar a mudança no sinal original.

Além disso, os sistemas de CFTV com base analógica apresentam os seguintes aspectos:

  • Limitações de resolução e qualidade de imagem;

  • Limitações no comprimento e passagem do cabeamento;

  • Necessidade de cabeamento e infraestrutura dedicada ao sistema de CFTV;

  • Cabeamento dedicado ponto a ponto de cada câmera até o sistema de gerenciamento e gravação;

  • Necessidade de cabeamentos adicionais para sinais de áudio, acionamento de dispositivos, alarmes, movimentação PTZ;

  • Necessidade de cabeamento independente e específico para alimentação elétrica das câmeras;

  • Infraestrutura e cabeamento dedicados e de alto custo para prover sistemas de maior qualidade e complexidade;

  • Limitações de topologia de cabeamento e infraestrutura, reduzindo as possibilidades de integração e crescimento dos sistemas;

  • Custo global superior a longo prazo;

  • Impossibilidade de compartilhamento de cabeamento com outras tecnologias e sistemas;

  • Novas câmeras requerem a implantação de nova infraestrutura e passagem de cabeamento;

  • Maior custo de manutenção devido aos constantes problemas de cabeamento, conectores, fontes e demais componentes sujeitos a falha.

Fonte: Guia do CFTV

Read more