Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Ampliação do sistema de vídeo monitoramento.

Na primeira etapa do projeto, foram instaladas 320 novas câmeras no Campus de Natal. Com a tecnologia da Panasonic, que além de 5 anos de garantia, oferece robustez e loga vida útil, além da qualidade superior de imagem e recursos de vídeo inteligentes, como detecção de intrusão, detecção de movimento, alarmes de objetos suprimidos, entre outros, o sistema também foi atualizado com a adoção do Security Center  da Genetec.

Dessa forma, a Central de Controle da Universidade já ficou preparada para o crescimento de todo o sistema de segurança, que será implantado na segunda abrangendo todos os campi e um total de 4.450 câmeras, que serão instaladas ao longo dos próximos anos,  de acordo com a disponibilidade orçamentária da instituição.

A UFRN já investia em vídeo monitoramento desde 2015, e contava com cerca de 24o câmeras. No entanto, ainda dependia muito da vigilância humana. Só no Campus de Natal, a Universidade contava com 369 profissionais de segurança. Com a escalada da violência no entorno aliada aos altos cultos dos serviços de vigilantes, a Universidade viu na ampliação do sistema de vídeo monitoramento a oportunidade de oferecer uma ambiente mais seguro para alunos, professores e servidores com o benefício adicional da significativa redução dos seus custos operacionais.